22°

Tempo nublado

Parauapebas, PA

CÍRIO CÍRIO DE NAZARÉ

Arrastão do Círio 2023 leva cores e folia para ruas de Belém

Tradicional cortejo do Arrastão do Círio, promovido pelo Arraial do Pavulagem, será realizado neste fim de semana, logo após o Círio Fluvial.

04/10/2023 às 17h56 Atualizada em 04/10/2023 às 19h02
Por: Redação Fonte: DOL
Compartilhe:
Reprodução
Reprodução

 O Arrastão do Círio 2023 ocorre neste sábado (7), com muitas cores, alegria e homenagens do Batalhão da Estrela para Nossa Senhora de Nazaré.

Logo após o Círio Fluvial, com concentração a partir das 9h, o cortejo nazareno parte da Boulevard Castilhos França e vai até a Praça Dom Pedro II, onde a banda Arraial do Pavulagem se apresenta com convidados especiais.

Além da celebração tradicional, neste ano, o dia 7 de outubro também será marcado pelo lançamento da música "Senhora da Amazônia", uma homenagem do Arraial do Pavulagem para Nossa Senhora de Nazaré.

Continua após a publicidade
Anúncio

A canção composta em 2018 está sendo lançada oficialmente agora para que todos possam ouvir a obra sempre que quiser.

OS DIFERENCIAIS DO ARRASTÃO DO CÍRIO

O Arrastão do Círio tem algumas características diferentes dos famosos Arrastões Juninos do Pavulagem. Por exemplo: no lugar do Boi Pavulagem, o brinquedo protagonista é a Barca de Miriti (uma referência ao Círio Fluvial e à Rainha das Águas). Também é possível ver elementos cênicos e personagens específicos da época, que harmonizam com as celebrações da época de Círio.

Como em todo Arrastão do Círio, haverá uma homenagem à Nossa Senhora de Nazaré, com o Batalhão da Estrela posicionado para louvar a Santa assim que ela chegar do Círio Fluvial. No Arrastão do Círio 2023, o grupo será formado por aproximadamente 600 pessoas, que ensaiaram de 16/09 a 05/10 para o grande dia.

NOVIDADE NO BATALHÃO DA ESTRELA

A "Visualidade Cênica" é um segmento novo do Batalhão da Estrela, em que brincantes caracterizados dançarão soltos na área das performances do cortejo para fazer referências à nossa biodiversidade amazônica, lembrando o público sobre a importância da sustentabilidade. O instrutor Hudson dos Passos explica a novidade:

"Teremos brincantes com adereços especiais representando símbolos como pássaros, borboletas, barcos, peixes e até árvores - como a Samaumeira e a Castanheira, que serão representadas por pernaltas. O objetivo é jogar luz sobre a importância da preservação ambiental através da presença no cortejo de ícones que remetem à nossa natureza, à festa do Círio e à nossa Cultura ribeirinha", adianta.

HOMENAGEM AOS POVOS ORIGINÁRIOS DA AMAZÔNIA

A “Roda Ancestral” é uma performance do Batalhão da Estrela que acontece no final do Arrastão do Círio. Tem inspiração nas danças circulares presentes nas manifestações culturais da Amazônia e, na concepção do Arraial do Pavulagem, é uma reverência aos povos antigos da Amazônia e à ancestralidade indígena e africana.

Adriano Hórus, instrutor de perna de pau, explica: "trata-se de uma dança circular, onde buscamos conectar os brincantes à ancestralidade indígena e negra da Amazônia. Essa prática foi incorporada ao cortejo para honrar os nossos antepassados amazônicos", diz.

Hórus ainda deu mais detalhes sobre como será a performance. "Quando o cortejo chegar na Praça D. Pedro II, o som dos tambores vai intensificar a ligação desse ato do Batalhão da Estrela com a terra, estabelecendo uma conexão entre nós e a nossa ancestralidade, através da dança e da música", revela.

TRAJETO

A concentração (que começa a partir de 9h) acontece na esquina da Boulevard Castilhos França com a Presidente Vargas (sentido Ver-o-Peso). O local também é o ponto de partida do Arrastão. Após o cortejo sair (por volta de 11h, após o fim do Círio Fluvial) e seguir direto pela Boulevard Castilhos França, o cortejo dobra na 16 de novembro e tem sua conclusão na Praça Dom Pedro II, onde a banda Arraial do Pavulagem se apresenta ao lado de convidados especiais.

Ronaldo Silva, presidente do Instituto Arraial do Pavulagem, compartilha o sentimento de realizar a 21ª edição do Arrastão do Círio. “O cortejo do Círio é muito importante para nós, pois é através dele que participamos desse momento tão importante para o calendário do povo paraense. Podemos mostrar como a gente é capaz de trabalhar o imaginário popular desse período, que é recheado com uma religiosidade extremamente rica e importante. Como em todos os anos, estamos empolgados e com muita expectativa pra viver esse grande momento de alegria com todo mundo no Círio”, diz.

O Arrastão do Círio é patrocinado pela Equatorial, através da Lei Semear, do Governo do estado

SERVIÇO:

ARRASTÃO DO CÍRIO 2023

Data: 07/10

Horário: 9h (concentração), 11h (saída do cortejo, após o fim do Círio Fluvial)

Local: Boulevard Castilhos França c/ Av. Presidente Vargas (partida) e Praça Dom Pedro II (chegada)

Mais informações: redes sociais do Arraial do Pavulagem (https://linktr.ee/pavulagem)

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Parauapebas, PA Atualizado às 06h06 - Fonte: ClimaTempo
22°
Tempo nublado

Mín. 22° Máx. 27°

Ter 30°C 22°C
Qua 32°C 22°C
Qui 30°C 22°C
Sex 30°C 23°C
Sáb 30°C 23°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio
Anúncio
Anúncio