Quarta, 01 de Fevereiro de 2023
21°C 25°C
Parauapebas, PA
Publicidade

Busca de focos do Aedes Aegypti para combate às doenças é intensificado em Parauapebas

A população deve redobrar os cuidados para evitar a dengue, chikungunya e zica durante o período de chuvas.

23/01/2023 às 05h39 Atualizada em 24/01/2023 às 12h01
Por: Redação Fonte: Ascom/PMP
Compartilhe:
Busca de focos do Aedes Aegypti para combate às doenças é intensificado em Parauapebas

A Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), informa a toda população que no período de janeiro a dezembro de 2022, o município apresentou 1.186 casos de dengue, sendo 1.175 casos de dengue clássica, dez de dengue com sinais de alarme e 01 caso de dengue grave. Em relação a Chikungunya foram registrados dez casos e felizmente, não houve apontamento de casos de Zika Vírus.

Em 2023, até o momento apresentamos 17 casos suspeitos de dengue. Ainda no ano passado, os agentes de endemias da Semsa visitaram todos os bairros e regiões em busca de focos do mosquito. Além das vistorias em imóveis, também é realizado o trabalho de análise laboratorial dos diferentes tipos de larvas encontradas do Aedes aegypti, mosquito causador destas doenças.

Segundo a diretora da Vigilância em Saúde do município, Michele Ferreira, os esforços para combater este mal devem ser múltiplos, ou seja, cada um fazendo a sua parte.

“Vejo que temos avançado em relação às técnicas para combater o mosquito transmissor, que a população está alerta em relação aos cuidados necessários, evitando deixar caixas d’água abertas e locais com água parada. Temos que realmente ser vigilantes, e sabendo que se cada um fizer a sua parte, este mal não irá nos atingir” finalizou.

Para Gilberto Laranjeiras, secretário municipal de saúde, “não existe técnica melhor do que cada um vigiar do seu próprio lar. A dengue é um assunto sério, buscamos capacitar nossas equipes para melhorar ainda mais as ações em cada bairro, e contamos sempre com a parceria da população”, frisou o gestor da pasta.

 

Como prevenir:

* Pratos de vasos de plantas devem ser preenchidos com areia;

* Tampinhas, latinhas e embalagens plásticas devem ser jogadas no lixo, e as recicláveis guardadas fora da chuva;

* Latas, baldes, potes e outros frascos devem ser guardados com a boca para baixo;

* Caixas d’água devem ser mantidas fechadas com tampas íntegras, sem rachaduras ou cobertas com tela tipo mosquiteiro;

* Piscinas devem ser tratadas com cloro ou cobertas;

* Pneus devem ser furados ou guardados em locais cobertos;

* Lonas, aquários, bacias e brinquedos devem ficar longe da chuva;

* Coloque terra/areia no centro, ou entre as folhas, das plantas que acumulam água. Retire ou fure os pratos dos vasos expostos à chuva.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Parauapebas, PA
21°
Chuva

Mín. 21° Máx. 25°

22° Sensação
0.58km/h Vento
99% Umidade
100% (17.83mm) Chance de chuva
06h22 Nascer do sol
06h44 Pôr do sol
Qui 29° 20°
Sex 27° 21°
Sáb 29° 20°
Dom 28° 21°
Seg 30° 21°
Atualizado às 06h22
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,07 -0,03%
Euro
R$ 5,51 -0,07%
Peso Argentino
R$ 0,03 +0,15%
Bitcoin
R$ 124,132,76 +0,26%
Ibovespa
113,430,54 pts 1.03%
Publicidade
Publicidade
Anúncio
Publicidade
Publicidade
Anúncio