Sábado, 28 de Janeiro de 2023
21°C 29°C
Parauapebas, PA
Publicidade

Saiba como a conta de energia é calculada no Pará

Entenda a incidência de custos, impostos e consumo no valor final da conta de energia elétrica.

20/01/2023 às 05h54 Atualizada em 20/01/2023 às 06h00
Por: Redação Fonte: G1 PA
Compartilhe:
Saiba como a conta de energia é calculada no Pará

Para os paraenses que desejam ter mais controle sobre o consumo da conta de energia, o primeiro passo é entender como a tarifa é calculada e quais são os impostos que incidem no valor final.

Custos

Desde 2012, a empresa responsável pela distribuição de energia no estado é a Equatorial Pará. A companhia ressalta que a conta de luz é composta pelos seguintes custos:

* geração, transmissão e distribuição da energia;

* encargos setoriais, que custeiam as políticas energéticas instituídas por lei para o setor elétrico;

* os tributos federais, estaduais e municipais: Programa de Integração Social (PIS), Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (COFINS), Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e a Contribuição de Iluminação Pública (CIP).

De acordo com a Equatorial, a tributação pode variar em cada município e que apenas uma parte do que é pago pelo consumidor é destinado à empresa.

O gerente de consumo da concessionária de energia, Anderson Torres, explica que a parcela destinada à instituição é referente à distribuição de energia.

Com este valor, a empresa fornece energia para 2,9 milhões de paraenses, e pode realizar manutenções preventivas e corretivas, além de investimentos necessários para a expansão do sistema elétrico.

“A tarifa calculada para as distribuidoras são as tarifas de distribuição, valor que representa o preço cobrado da unidade consumidora pelo consumo de energia e pelo uso da rede. A partir desse valor conseguimos melhorar o nosso serviço”, detalhou Anderson.

Consumo

O consumo mensal de energia de um cliente é calculado pela diferença entre os registros de leitura do medidor no mês anterior e o atual, em um intervalo que pode variar de 27 a 33 dias, e é dado com base no kWh.

Por outro lado, o valor da tarifa aplicável sobre essa energia consumida é estabelecido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) para cada classe de consumidores da Equatorial Pará. Por exemplo: para as residências, em janeiro de 2023, a tarifa é de R$0,8789 / kWh, sem os impostos.

Entenda o cálculo na prática:

No caso de um cliente que consome 200kWh no mês, é necessário multiplicar o consumo do mês (200 KWh) pelo valor da tarifa de energia por kWh. Logo, 200 kWh x R$ 0,8789 / kWh = R$ 175,78. Este seria o valor da conta no mês sem imposto.

Além disso, é importante ficar atento às bandeiras tarifárias, que são um mecanismo adotado pela ANEEL para sinalizar se haverá acréscimo no valor da energia para consumidores finais devido às condições de geração energética no pais.

Em janeiro de 2023, a bandeira tarifária adotada é a verde, que indica condições favoráveis de geração de energia. Por isso, a tarifa não sofre nenhum acréscimo extra.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Parauapebas, PA
22°
Tempo nublado

Mín. 21° Máx. 29°

23° Sensação
0.59km/h Vento
98% Umidade
100% (5.55mm) Chance de chuva
06h20 Nascer do sol
06h43 Pôr do sol
Dom 29° 21°
Seg 29° 21°
Ter 28° 21°
Qua 28° 21°
Qui 24° 21°
Atualizado às 02h24
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,11 -0,06%
Euro
R$ 5,55 -0,04%
Peso Argentino
R$ 0,03 +0,12%
Bitcoin
R$ 124,664,82 -0,62%
Ibovespa
112,316,16 pts -1.63%
Publicidade
Publicidade
Anúncio
Publicidade
Publicidade
Anúncio