Quarta, 05 de Outubro de 2022
29°

Poucas nuvens

Parauapebas - PA

Dólar
R$ 5,18
Euro
R$ 5,17
Peso Arg.
R$ 0,03
PARÁ Temporal

Sem luz há 3 dias por causa de temporal, moradores de Moju pagam R$ 5 para carregar celular com gerador

Prefeitura decretou situação de emergência após forte vento derrubar torre de transmissão e deixar milhares de moradores sem energia elétrica

21/09/2022 às 14h48 Atualizada em 21/09/2022 às 15h01
Por: Redação Fonte: G1 PA
Compartilhe:
divulgação/Equatorial pará
divulgação/Equatorial pará

A prefeitura de Moju, no nordeste do Pará, decretou situação de emergência por causa da falta de energia elétrica. A cidade e a vizinha Tailândia estão há três dias sem luz após um forte temporal derrubar uma torre de transmissão, no domingo (18).

Mais de 40 mil pessoas foram afetadas e, nesta terça-feira (20), pelo menos 24 mil imóveis continuavam sem luz. O temporal também destelhou casas.

Alguns estabelecimentos compraram geradores a gasolina e estão cobrando R$ 5 para quem precisa carregar o celular.

"Como as pessoas estão precisando e começaram a trazer o aparelho, estamos cobrando R$ 5 porque o gerador é a gasolina e consome muito", explicou a trabalhadora de um estabelecimento.

A falta de luz também afeta o abastecimento de água, pois falta energia para bombas em algumas comunidades. "A gente está economizando o resto da água da caixa", diz o estudante Kaik Bruno.

A previsão é que a energia seja totalmente estabelecida na tarde de quarta-feira (21) devido à complexidade dos trabalhos, segundo a Equatorial, concessionária de energia no Pará.

No início da tarde desta segunda (19), a Equatorial Energia Pará informou que a energia estava restabelecida em algumas comunidades e "que as equipes técnicas estão realizando manobras para normalizar em 100% o fornecimento de energia".

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários