Terça, 06 de Dezembro de 2022
22°

Poucas nuvens

Parauapebas - PA

Dólar
R$ 5,24
Euro
R$ 5,48
Peso Arg.
R$ 0,03
Sociedade Políticas

Consulta pública sobre revisão do PMSB da cidade do Rio está aberta

Elaborado pelo CBH Baía de Guanabara, em parceria com a prefeitura e a Fundação Rio-Águas, o Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB) será apres...

21/09/2022 às 07h50
Por: Redação Fonte: Agência Dino
Compartilhe:

Está oficialmente aberta a consulta pública sobre a revisão do Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB) da cidade do Rio de Janeiro. Elaborado pelo Comitê da Região Hidrográfica da Baía de Guanabara (CBH Baía de Guanabara), por meio da AGEVAP (Secretaria Executiva do Colegiado), em parceria com a Prefeitura do Rio de Janeiro e a Fundação Rio-Águas, o documento prevê a realização de uma série de ações baseadas em estudos sobre a situação do saneamento básico na cidade. Ao todo, R$ 500 mil foram destinados à revisão.

Até o dia 13 de outubro, os cidadãos poderão conhecer os resultados desses estudos e opinar sobre o plano. Os arquivos estão disponíveis no site da Prefeitura do Rio e as sugestões devem ser encaminhadas para o e-mail da Fundação Rio-Águas (consultapublica.pmsbae.rio@gmail.com). 

Audiência Pública

Ainda como parte do processo de revisão do PMSB, uma Audiência Pública marcada para o dia 28 de setembro, às 14 horas, no Centro Administrativo São Sebastião, Cidade Nova, apresentará os resultados do PMSB, esclarecerá dúvidas e coletará contribuições da sociedade. As inscrições para o evento estarão abertas até o dia 27 de setembro. 

Para participar, basta comunicar o interesse através do e-mail rioaguasdis@gmail.com, preenchendo no Assunto “Inscrição para Audiência Pública”, e enviar, ainda, nome completo, RG ou CPF. Também serão aceitas inscrições no dia 28, condicionadas à lotação do auditório.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários