Domingo, 07 de Agosto de 2022
25°

Poucas nuvens

Parauapebas - PA

Dólar
R$ 5,17
Euro
R$ 5,26
Peso Arg.
R$ 0,04
POLÍTICA ELEIÇÕES 2022

PT, PCdoB e PV se juntam no apoio da reeleição de Helder Barbalho

Os três partidos, que compõem a Federação “Brasil Esperança” fizeram a convenção ontem e firmaram apoio à reeleição do atual governador.

02/08/2022 às 12h31
Por: Redação Fonte: DOL: Luiz Flávio/Diário do Pará
Compartilhe:
| Reprodução
| Reprodução

Aos gritos de “Fica Helder !” e “Volta Lula !”, a multidão que lotou na noite de ontem o ginásio do Colégio Ideal, no bairro Batista Campos, referendou a convenção da federação “Brasil Esperança” (PT, PCdoB e PV), que confirmou o apoio à reeleição do governador Helder Barbalho (MDB) e lançou 61 candidaturas.

Além do senador Beto Faro (PT), que tem como suplente Josenir Nascimento (PT), disputarão a eleição 42 candidatos a deputado estadual e 18 a federal.

O PT é a legenda que tem mais candidatos na disputa (36 estaduais e 11 federais), seguido pelo PCdoB (3 estaduais e 5 federais) e o PV (3 estaduais e 2 federais). A Federação reúne mais de 120 mil filiados no Pará.

Ovacionado pelo público ao chegar ao ginásio, Helder Barbalho agradeceu a todos os partidos que compõem a federação e os candidatos que dela fazem parte.

“É um reconhecimento a uma reconstrução que iniciou há 3 anos e meio, e foi concretizada graças a esses partidos que se uniram à nossa gestão em prol de um Estado maior e melhor”, disse o governador.

Barbalho agradeceu ainda à parceria política e administrativa das bancadas estadual e federal que lhe ajudaram a governar até aqui. “Foi uma construção coletiva que uniu vários segmentos como quilombolas, indígena, trabalhadores rurais, negros, mulheres e LGBTQIA+”, destacou.

Helder ressaltou que os partidos da federação possuem força, grandeza e legitimidade para lançar candidatos ao governo, mas, segundo ele, compreenderam o atual momento do Estado que, desde 2019 vem se transformando.

“Hoje o Governo trabalha para todo o Pará, sem distinção, sem discriminar ninguém. Governamos para todos os 144 municípios, onde vivem nove milhões de paraenses”.

O governador agradeceu a confiança e renovou o compromisso na defesa do Pará e da população paraense e disse contar com o apoio da federação para alcançar uma vitória em outubro ainda maior que obteve em outubro de 2018.

“Meu partido, o MDB, tem candidata própria à presidente, a senadora Simone Tebet, mas respeito a decisão dos partidos que compõem a nossa aliança política, onde temos espectros de centro, de esquerda e de direita, cada um com seus projetos nacionais. Agradecerei ao presidente Lula quando ele vier ao Pará por tudo que ele já fez pelo Pará e pelo Brasil”, disse o governador, sendo ovacionado pelo púbico.

CAMINHO

O deputado federal Beto Faro, candidato ao Senado, disse em sua fala que Helder levou obras, escolas, infraestrutura e estradas para o Pará.

“Este governo reduziu os índices de criminalidade e construiu as Usinas da Paz, o maior projeto de resgate da cidadania, fortalecimento comunitário e de transformação social que este Estado já produziu. Estarei no Senado junto com o presidente Lula trazendo ainda mais investimentos e obras para nosso Estado”, garantiu Faro.

Jorge Panzera, presidente do diretório do PCdoB no estado, disse que o partido tem como objetivo principal fazer com que o Brasil volte ao seu caminho de desenvolvimento com a eleição e Lula Presidente.

“Estamos apoiando a reeleição do governador Helder Barbalho porque acreditamos que o nosso Estado passou a ter um governo de verdade desde 2019. Andamos por todo o Estado e vemos obras e desenvolvimento, o que não ocorre em relação ao governo federal, que nos abandonou. O Brasil e o Pará precisam estar no mesmo caminho”, destacou.

José Carlos Lima, presidente do diretório estadual do PV ressaltou que a legenda decidiu, por unanimidade, apoiar a chapa Helder Barbalho governador, Beto Faro senador.

“O PV aprovou ainda a proposta apresentada ao governador Helder da criação das Usinas de Produção Sustentáveis, como agências de apoio e incentivos a agricultura familiar, extrativistas, pequenos empreendimentos urbanos, principalmente aqueles que tem a frente mulheres chefes de família”.

O prefeito Edmilson Rodrigues, que está fora de Belém, mandou um vídeo para a convenção parabenizando Helder e a federação e deixando o recado que o povo de Belém e do Pará tem a obrigação “de derrotar o autoritarismo e avançar nas conquistas”.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários