32°

Parcialmente nublado

Parauapebas, PA

SAÚDE Marabá - PA

SMS: Unidades Básicas de Saúde dispõem de testes rápidos, imunizantes e tratamento para a Covid-19

A Rede Municipal de Saúde de Marabá disponibiliza, em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS), medidas para prevenir, diagnosticar e tratar os cas...

11/01/2024 às 11h35
Por: Redação Fonte: Prefeitura de Marabá - PA
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Prefeitura de Marabá - PA
Foto: Reprodução/Prefeitura de Marabá - PA

A Rede Municipal de Saúde de Marabá disponibiliza, em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS), medidas para prevenir, diagnosticar e tratar os casos de Covid-19. A prevenção se dá por meio dos imunizantes, os quais estão disponíveis constantemente nas Unidades e foram incluídas no Calendário Nacional de Vacinação. Já o diagnóstico é feito por meio de testes rápidos, realizados pela equipe de enfermagem em cada UBS.

De acordo com o Departamento de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), em 2023, apenas 10.163 doses contra a Covid-19 foram aplicadas em Marabá. Quantitativo baixo em relação ao número total de vacinas aplicadas nas Unidades neste mesmo ano, que foram 101 mil. Diante disso, é orientado que a população compareça à UBS mais próxima para completar o esquema vacinal, já que a melhor forma de evitar a Covid-19 e a propagação dela é a imunização.

As 25 Unidades Básicas de Saúde de Marabá dispõem de doses contra Covid-19 a partir da vacina Bivalente, a qual é aplicada após o esquema das duas doses ter sido feito, num intervalo de 6 meses. Desde maio de 2023, a vacina está liberada para pessoas a partir dos 18 anos , e aos grupos de risco, como idosos, profissionais de saúde, gestantes e puérperas e imunossuprimidos a partir dos 12 anos de idade, as doses podem ser aplicadas a cada 6 meses.

Continua após a publicidade
Anúncio

De acordo com a enfermeira na Unidade Demóstenes de Azevedo da Marabá Pioneira, Lorena Borba, os imunizantes contra Covid voltados a crianças também estão disponíveis, a partir dos 6 meses de idade, num esquema de 3 doses, sendo a primeira aos 6 meses, a segunda aos 7 e a última aos 9 meses.

“Caso essa criança ainda não tenha seguido esse esquema primário, recomendamos que o responsável a leve até à UBS mais próxima para a administração das doses, pois é importante manter a carteira de vacina atualizada para que a doença não desenvolva uma forma mais grave quando adquirida”, orienta a enfermeira.

Lorena Borba, enfermeira
Lorena Borba, enfermeira

As Unidades também dispõem de testes rápidos e tratamento para os diagnosticados. A enfermeira pontua que os pacientes que testam positivo são encaminhados de acordo com a gravidade da doença.

“Após o diagnóstico, o paciente recebe a consulta médica, onde serão tomadas as condutas necessárias. O médico irá prescrever se ele deve ficar em casa, tomando os remédios receitados entre 7 a 10 dias, ou se será encaminhado para a alta complexidade do HMM. A medicação também é baseada nesses sintomas, inclusive o médico pode avaliar a necessidade de raio-x ou tomografia”, explica.

Ainda que o uso de máscara tenha sido desobrigado desde maio de 2023, todas as Unidades Básicas recomendam o uso deste equipamento de proteção individual e coletiva (EPI/EPC), além de recomendar a vacinação.

“A gente gostaria de pedir a colaboração da população que venha se vacinar e garantir uma imunização contra essa doença que pode ser letal. Da mesma forma também que a gente prioriza os testes rápidos para o diagnóstico e tratamento rápido, evitando a propagação desse vírus. A gente orienta ainda para quem está em tratamento, por mais que seja leve, evite sair para não contaminar outras pessoas e respeite o prazo de 7 a 10 dias, até a recuperação total”, recomenda a enfermeira Lorena.

Esta semana, o Hospital Municipal de Marabá (HMM), adotou novos protocolos para prevenção à Covid-19 . A partir disso, todos os que precisarem adentrar ao ambiente hospitalar, devem utilizar máscaras.

Foto: Reprodução/Prefeitura de Marabá - PA
Foto: Reprodução/Prefeitura de Marabá - PA

Segundo a médica Cláudia Carolini, os pacientes com sintomas suspeitos devem procurar as Unidades Básicas de Saúde, as quais são a porta de entrada da Rede Municipal de Saúde. “Nesse momento, o Hospital opta pela precaução, principalmente para evitar que os nossos pacientes não sejam acometidos com o vírus nem tenham seus sintomas piorados. No momento, grande parte dos casos que vieram para cá tiveram sintomas leves e a maior parte dos pacientes chegou com febre, coriza e dor de garganta. Mas nós recomendamos aos pacientes que procurem a UBS mais próxima, onde está sendo disponibilizado para a população o teste rápido e principalmente a vacinação”, recomenda a profissional.

 Cláudia Carolini, médica
Cláudia Carolini, médica

A nova medida foi aprovada pela visitante Lucilene Souza, 48 anos. Para ela, é essencial proteger a saúde de todas as formas. “A gente tem que andar mesmo protegido, ainda mais que percebemos que constantemente há casos de Covid, então é muito importante proteger a gente e aos outros”, comenta.

Lucilene Souza, visitante do HMM
Lucilene Souza, visitante do HMM

Texto: Sávio Calvo
Fotos: Sara Lopes

The post SMS: Unidades Básicas de Saúde dispõem de testes rápidos, imunizantes e tratamento para a Covid-19 appeared first on Prefeitura de Marabá - Pa .

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Parauapebas, PA Atualizado às 13h21 - Fonte: ClimaTempo
32°
Parcialmente nublado

Mín. 23° Máx. 31°

Qui 31°C 22°C
Sex 30°C 23°C
Sáb 29°C 22°C
Dom 27°C 22°C
Seg 27°C 22°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio
Anúncio
Anúncio