26°

Tempo nublado

Parauapebas, PA

Geral CONSTRUÇÃO COLETIVA

Em Belém, Conferência Estadual debate 'Direito à Cultura na Amazônia'

Representantes de diversos municípios vão elaborar ações e metas para o Plano Estadual de Cultura

28/11/2023 às 01h18
Por: Redação Fonte: Secom Pará
Compartilhe:
Crédito: David Alves / Ag.Pará
Crédito: David Alves / Ag.Pará

A partir desta terça-feira (28), representantes de diversos municípios paraenses debatem com a Secretaria de Estado de Cultura (Secult) e outras instituições a política cultural do Pará. A 4ª Conferência Estadual de Cultural ocorrerá até a próxima quinta-feira (30), na sede da Fundação Cultural do Pará (FCP), em Belém. Este ano, o evento – que inclui palestras, plenárias e apresentações culturais – tem como tema “Democracia, Sustentabilidade e Direito à Cultura na Amazônia”. O objetivo é a construção do Plano Estadual de Cultura.

Nos três dias são esperados mais de 300 delegados e delegadas, eleitos para a Conferência Estadual pelos conselhos Municipais de Cultura. Os debates serão transmitidos ao vivo pelo canal da Secult no YouTube. O público em geral poderá participar como observador. As inscrições são limitadas à capacidade do auditório, e devem ser feitas pelo link disponível no site da Secult. A inciativa é do Conselho Estadual de Cultura (CEC/PA), junto com a Secult.

“A Conferência é um momento de articulação entre o poder público e a sociedade civil. É um espaço de escuta e construção coletiva para canalizar as demandas da sociedade e para que as ações reflitam essas demandas. Neste sentido, é um lugar de representatividade e um instrumento fundamental para que possamos estabelecer uma política democrática e contínua de Cultura, com ações e metas refletidas no Plano Estadual”, afirma a titular da Secult, Ursula Vidal.

Continua após a publicidade
Anúncio

Institucional- No primeiro dia de atividades, o credenciamento ocorre as 14 h. A abertura será as 16 h, com representantes da sociedade civil no CEC/PA e representantes institucionais. Além de gestores da Secult, participarão representantes das secretarias de Estado Educação (Seduc), de Igualdade Racial e Direitos Humanos (Seirdh), de Povos Indígenas (Sepi) e de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas); da Fundação Cultural do Pará; Assembleia Legislativa do Pará (Alepa); Tribunal de Justiça do Estado (TJPA) e do Centro de Estudo e Defesa do Negro no Pará (Cedenpa).

No mesmo dia haverá apresentação do Conselho Estadual de Cultura, as 17 h. A programação prossegue as 18 h com a palestra magna da professora Zélia Amador de Deus. As 19 h haverá a leitura e aprovação do Regimento Interno.

Ao longo do dia, as apresentações culturais incluem o Boi de Máscara Faceiro, de São Caetano de Odivelas, as 14 h, Bloco Afro Axé Dudu, Marta Mariana e banda Acena, Vozes de Mayri com Mulherio das Letras Indígenas, Cabanos Capoeira e Aziel Neves, e Ponto de Cultura Orquestra Jovem da Amazônia com Gigi Furtado, além do espetáculo Anauê Assanduá “Por uma Amazônia que continua viva”.

Seis eixos- Na quarta-feira (29), o credenciamento será as 8h10, junto com a apresentação de Shekinah Crew. Em seguida, haverá a sistematização dos Painéis e Grupos Temáticos, com seis eixos: Institucionalização, Marcos Legais e Sistema Nacional e Estadual de Cultura (Eixo 1); Democratização do Acesso à Cultura e Participação Social (Eixo 2); Identidade, Patrimônio e Memória (Eixo 3); Diversidade Cultural e Transversalidades de Gênero, Raça e Acessibilidade na Política Cultural (Eixo 4); Economia Criativa, Trabalho, Renda e Sustentabilidade (Eixo 5), e Direito às Artes e às Linguagens Digitais (6). Cada eixo ocupará uma sala diferente.

Na quarta-feira, das 12 h às 14 h, haverá apresentação do pajé Rilque Cesar, com participação do Grupo Etnia Munduruku. O Carimbó Sancari também se apresenta, homenageando a Mestra Neire.

A sistematização das propostas por eixo prossegue das 14 h às 15h30. Já a aprovação das propostas para os eixos 1, 2 e 3 ocorrerá em plenária geral, as 16 h. As apresentações culturais começarão as 18h30, com Ponto de Cultura Iaçá e Mestra Jesus, e Grupo Amazônia, e o grupo Afoxé Ita Lemi Sinavuru e João da Hora.

No último dia, quinta-feira, o palco estará aberto para apresentações inscritas, a partir de 8 h. Em seguida, serão apresentadas e aprovadas as propostas para os eixos 4, 5 e 6, em plenária geral.

A plenária final para homologação de eleições das delegadas e dos delegados para a 4ª Conferência Nacional de Cultura começará as 10h45. Depois, se apresentarão Mestre Damasceno e o Grupo Nativos Marajoaras. O Grupo de Expressões Parafolclóricas Uirapuru convida BFAM encerrará a programação.

Economia criativa- A programação da 4ª Conferência Estadual de Cultura do Pará também abrirá espaço para empreendedores ligados à economia criativa. Entre os dias 28 e 30, uma Feira Criativa funcionará na Praça do Povo, no térreo do Centur (Centro Cultural e Turístico Tancredo Neves), sede da Fundação Cultural.

No espaço haverá também a exposição virtual “Ritos, Teias e Rios: Dialogando com as Amazônias que nos atravessam”, de Ursula Bahia, com Maycon Nunes e Irene Almeida como convidados. A curadoria é de Adan Costa.

Texto: Amanda Engelke - Ascom/Secult

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Parauapebas, PA Atualizado às 19h11 - Fonte: ClimaTempo
26°
Tempo nublado

Mín. 20° Máx. 27°

Sáb 27°C 22°C
Dom 28°C 21°C
Seg 29°C 22°C
Ter 28°C 22°C
Qua 25°C 22°C
Anúncio
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio
Anúncio
Anúncio