Terça, 06 de Dezembro de 2022
23°

Poucas nuvens

Parauapebas - PA

Dólar
R$ 5,24
Euro
R$ 5,48
Peso Arg.
R$ 0,03
PARÁ ELEIÇÕES 2022

Primeira fase do Enem finaliza com saldo positivo nas ações de segurança no Pará

O Pará ocupou a primeira posição no ranking com o maior número de profissionais envolvidos na operação dentre os estado da federação.

14/11/2022 às 14h43
Por: Redação Fonte: Agência Pará
Compartilhe:
Foto: Bruno Cecim/Ag. Pará
Foto: Bruno Cecim/Ag. Pará

O trabalho integrado envolvendo mais de 4 mil agentes de segurança pública em todo o Estado garantiu mais segurança e um número pequeno de ocorrências registradas, neste domingo (13), durante a 1º fase do Exame Nacional do Ensino Médio - Enem, realizado em 77 municípios do Estado. Mais de 800 veículos foram empregados, entre viaturas, embarcações e um helicóptero para fazer a cobertura total da segurança e toda a logística que envolve o certame em todo o Pará.

A operação Enem 2022 é coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) e pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup).

O Pará ocupou a primeira posição no ranking com o maior número de profissionais envolvidos na operação dentre os estado da federação. Neste domingo (13), um pouco mais de 4,2 mil agentes foram empregados nas ações envolvendo a segurança e logística do Exame. O estado foi ainda a 6ª unidade da federação com mais locais de aplicação de prova, sendo  805 localidades divididas em 77 municípios. O Pará ficou atrás dos estados do Rio de Janeiro, Bahia, São Paulo e Ceará.

Em relação ao número de candidatos inscritos, o estado ocupou também a 6ª colocação, posterior a São Paulo, Minas Gerais, Bahía, Rio de Janeiro, Ceará. Os dados são do sistema nacional Córtex, disponibilizado pelo MJSP.

Ocorrências

Três pessoas tiveram mandados de prisão cumpridos pela Policia Federal após a realização da prova, sendo uma na Capital e duas no distrito de Icoaraci. As pessoas foram conduzidas para Delegacia a fim de realizar os procedimentos necessários e posteriormente serão encaminhadas ao sistema penitenciário. Em Mocajuba um homem também foi preso, antes da realização da prova, por meio de um mandato de prisão cumprido pela Polícia Civil. Dentre os crimes estão: Roubo qualificado, Estelionato e Extorsão com restrição de liberdade.

Energia

Duas escolas no município de Cametá, uma em Santa Isabel, uma em Moju e uma no bairro do Jurunas, em Belém apresentaram instabilidade na energia. Equipes da Equatorial Energia foram acionadas e as alterações foram resolvidas imediatamente, não apresentando prejuízo para a realização das provas nos locais.

O secretário adjunto de Operações da Segup, coronel Alexandre Mascarenhas ressalta a agilidade dos agentes envolvidos na operação para que o certame pudesse se realizar dentro da normalidade prevista. "O Enem envolve uma logística grande desde o mês de dezembro, e para isso, contamos com a participação de diversos órgãos e milhares de servidores. Todo esse planejamento é feito com muita antecedência para que os alunos possam contar com a segurança  necessária para a realização do Exame tão importante para eles.", afirmou o cel Alexandre Mascarenhas

CICC

No Centro Integrado de Comando e Controle, os representantes das forças de segurança, juntamente com demais órgãos envolvidos no certame, estavam reunidos para monitorar e agilizar o atendimento às ocorrências no intuito de que a execução do exame pudesse se realizar dentro da normalidade. Mais de 800 câmeras de monitoramento foram  empregadas na ação em todo estado.

Regionais

A segurança pública instalou, mais uma vez, os Centros Integrados de Comando e Controle Regionais (CICCR) nos municípios de Marabá, Capanema, Castanhal, Soure, Breves, Paragominas, Tucuruí, Redenção, São Félix do Xingu, Santarém, Itaituba, Abaetetuba e Altamira. As unidades foram coordenadas pelo Centro Integrado de Comando e Controle da Capital, que abrange também, toda a Região Metropolitana de Belém (RMB). O CICC reunia as informações e repassa ao Centro nacional por meio do sistema Cortex.

Em Belém, o CICC funciona no novo espaço localizado na avenida Almirante Barroso, antigo prédio da Funtelpa.

Integração

A operação Enem 2022 envolve, de forma integrada, os Correios, Exército, Polícias Civil e Militar, Grupamento Aéreo e Fluvial da Segup, Departamento de Trânsito do Estado (Detran), Guardas Municipais, a Secretaria de Estado de Educação (Seduc), Equatorial (concessionária de energia elétrica) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), que coordena o certame, e a Fundação Getúlio Vargas (FGV) que o executa em nível estadual.

"Dentro do Centro estamos com todos os agentes de segurança, seja dos municípios, do Estado e também órgãos federais que estão atuando e também com a concessionária de energia elétrica, com a empresa que está organizando esse certame com o INEP, todos os envolvidos no mesmo local para que a gente possa dirimir qualquer dúvida, qualquer situação que que venha a ocorrer", pontuou o secretário de Operações da Segup.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários