POLÍCIA DESVENDA HOMICÍDIO DE JOVEM DE 17 ANOS

Em Porto de Moz Polícia Civil desvenda autoria de crime

A Polícia Civil desvendou o homicídio da jovem Rafaela Monteiro, de 17 anos, nesta quinta-feira, 24, em Porto de Moz, sudoeste paraense. O autor do crime foi identificado como Tarcísio Maia da Silva, 19, que já está indiciado no inquérito policial com mandado de prisão decretado pelo homicídio da adolescente, porém permanece foragido. Rafaela foi vista, pela última vez, em companhia de Tarcísio, durante a madrugada do último dia 20, próximo ao local onde o corpo dela foi encontrado, na manhã seguinte.

Realizadas pela equipe composta pelo escrivão Thiago e investigador Marcos, sob coordenação da delegada Alessandra Insabraldt, as investigações resultaram na coleta de mais de 12 horas de filmagens em diversos pontos da cidade, que foram fundamentais na identificação do acusado.

Além das imagens, foram ouvidos aproximadamente 30 depoimentos de testemunhas presentes na festa em que Rafaela participava antes de ser levada ao local onde foi achada sem vida.

Com as provas, o autor do crime foi identificado e indiciado em menos de 72 horas após o homicídio. As investigações mostram que Tarcísio atraiu Rafaela para o local de crime. Exímio lutador de artes marciais, ele provavelmente desferiu um golpe fatal conhecido por “mata-leão” em Rafaela.

O corpo foi encaminhado para Altamira para a confecção do laudo cadavérico e coleta de material genético, já que a vítima foi encontrada seminua em baixo de uma árvore próximo à porteira de um sítio localizado na zona urbana de Porto de Moz. A delegada Alessandra já representou pela prisão preventiva do acusado Tarcísio, que fugiu da cidade para lugar incerto.

ULTIMAS NOTÍCIAS