Parauapebas firmará parceria nesta quarta-feira com a Agência Nacional de Mineração

Fruto do empenho do governo de Parauapebas em buscar soluções que viabilizem empreendimentos minerários legalizados e sustentáveis, será assinado nesta quarta-feira, 13, o Termo de Cooperação Técnica entre a Prefeitura de Parauapebas e a Agência Nacional de Mineração (ANM). O evento será realizado no Hotel Vale dos Carajás, às 18h.

O prefeito Darci Lermen gravou um vídeo e convidou todos os pequenos mineradores de Parauapebas e região para participar do evento, “estarão presentes também representantes do Ministério de Minas e Energia e autoridades importantes na área de mineração. Estamos procurando fazer um trabalho para legalizar a todos, para que a gente possa ter um desenvolvimento sustentável mais forte, digno e justo para todos”, destacou o prefeito.

Parceria

Em 22 de setembro deste ano, o prefeito, o secretário de mineração, Leandro Brandão, e a procuradora geral do município, Quésia Lustosa, apresentaram junto à ANM um documento com um plano de trabalho para indicar o interesse do município em firmar a parceria.

De acordo com o documento, o município coloca à disposição da ANM a equipe técnica da Secretaria Municipal de Mineração, Energia, Ciência e Tecnologia para contribuir com os processos de fiscalização da Contribuição Financeira por Exploração Mineral (Cfem) e de atividades de extração mineral, além de apoio em Processos Minerais.

“Segundo o cadastro da ANM, até dezembro de 2020, o município de Parauapebas registrava 761 Processos Minerais em todas as suas fases, desde requerimento até a autorização de lavra, representados por 197 pessoas físicas e jurídicas, com indicação de 29 substâncias minerais”, detalha o documento.

Expertise de Parauapebas

O município de Parauapebas tem longa experiência na fiscalização da Cfem, especialmente pelo trabalho desenvolvido desde 2007 em conjunto com o então Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), hoje ANM. Graças a essa sinergia, foram realizadas denúncias quanto à prática de preços externos da Vale S.A, que resultou no Processo de Cobrança nº 951.438/2009 e rendeu mais de meio bilhão de reais por meio da Execução Fiscal 0006181-37.2010.4.01.390.

ULTIMAS NOTÍCIAS

Vereador, jovem, filho de Parauapebas, Rafael Ribeiro segue firme trabalhando pelo seu povo

As 37 indicações de autoria do vereador Rafael Ribeiro se somam às inúmeras matérias propostas por ele durante esse ano de 2021. Ao todo já

Oncologista leva informações sobre câncer de mama para servidoras na prefeitura

Uma palestra leve, tocante e com informações importantes fez parte da programação em alusão ao Outubro Rosa, realizada pela Secretaria Municipal de Administração (Semad) e

Diabetes: A doença que não espera a pandemia passar

Os níveis de açúcar no sangue são como uma bomba-relógio para qualquer pessoa – principalmente com as que sofrem de diabetes. Manter o controle da

Vereador Aurélio Goiano tem seu mandato cassado por unanimidade

O vereador “Fiscal do Povo” Aurélio Goiano (PSD), teve o seu mandato cassado na tarde desta quinta-feira, 21, com 12 votos a favor e 0

Saaep reforça importância do uso de protetor solar entre servidores

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Parauapebas (Saaep) intensificou a conscientização de servidores sobre o uso correto do protetor solar, considerado um item

TSE confirma inelegibilidade de Jatene até 2022

O Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) confirmou a decisão que tornou o ex-governador do Pará, Simão Jatene, inelegível pelo período de oito anos, ou