google.com, pub-5168977010783922, DIRECT, f08c47fec0942fa0
25 de julho de 2021

Health Tech cresce 10 vezes ao ano com soluções para ajustes de custos

Zetta integra programa Explora, do Sistema Hapvida, para aceleração de startups, e combina big data com análise científica dos dados

O impacto da pandemia tornou 2020 um ano de ajuste de custos para muitas empresas, o que não foi diferente para o setor de saúde. Com a demanda do mercado em alta por soluções de economia nos gastos, a health tech Zetta Health Analytics cresceu dez vezes no ano passado em comparação a 2019 ao oferecer serviços de análise de big data aplicada à saúde, com levantamento e estudo de dados para as reduções de gastos dos clientes.

Tendo completado apenas dois anos de operação no último 28 de março, a empresa integra o programa de aceleração Explora do Hapvida e já tem em sua carteira a conta de alguns dos gigantes do setor de saúde no Brasil. Soma 300 empresas em sua carteira e 3,1 milhões de vidas no banco de dados, com meta de atingir 4,5 milhões até o final de 2021. Como resultado, emprega 45 colaboradores, quando em abril de 2019 eram cinco, e está com vagas de emprego abertas.

“Acreditamos na Zetta por suas estratégias e resultados significativos no mercado’. No Hapvida, a startup vai atuar em um dos pilares da empresa, a eficiência, trabalhando na gestão das consultas para melhorar a previsibilidade de agenda médica e indicar os melhores horários aos nossos clientes, para que tenham cada vez mais um serviço cômodo e personalizado”, afirma Mayumi Ito, analista de Inovação Aberta do Sistema Hapvida.

Os diferenciais da Zetta, segundo o sócio-fundador, Thiago Pavin, são a unificação, qualificação e estratificação dos dados de saúde de acordo com as necessidades estratégicas de cada cliente, além do cuidado no rastreamento, organização e análise de dados para oferecer soluções de economia de custos a um preço competitivo, graças à automatização de 70% da operação pesada de levantamento dos dados.

Um fator crucial para o bom desempenho da empresa é o de que não entrega apenas os resultados brutos gerados por inteligência artificial. Mas aplica em cima dos números a inteligência humana para análise dos dados e orientação aos clientes sobre as melhores escolhas a fazer. Para tanto, dispõe de uma equipe de cientistas dedicada às análises das soluções mais adequadas para os clientes, com forte embasamento em artigos científicos mundiais e na tríade ciência, saúde e matemática.

Controle de desperdícios

A plataforma da Zetta visa auxiliar os decisores de negócios na compreensão de onde estão os maiores desperdícios e a forma de revertê-los. “Com nossos sistemas, as principais dúvidas dos clientes são de entender por que os custos em alguns serviços aumentam tanto, se enfrentam problemas muito diferentes dos do mercado”, comenta Pavin. As respostas são buscadas de maneira científica, com apoio nos mais conceituados estudos, ancoradas nos algoritmos e análises feitas pela inteligência da plataforma da Zetta.

A Zetta é uma empresa que entende e traduz os dados, direcionando os decisores para as melhores soluções, além disso, realiza serviços sem esbarrar em conflitos de interesses, demonstrando flexibilidade em atender os mais diferentes players do mercado, como corretoras, operadoras, hospitais e grandes laboratórios, de maneira isenta.

A Zetta foi fundada em março de 2019 por Thiago Pavin, formado em Psicologia com mestrado em Economia da Saúde, e mais quatro sócios: Rodrigo Demarch, médico especializado em inovação e aplicação de tecnologia à saúde; Leonardo Sanção, cientista atuarial; Gabriel Souza, cientista de dados, e Hugo Varez, responsável pela engenharia de dados. A health tech é resultado de um esforço de empreender soluções de saúde embasadas no conceito de VBHC (Value Based Health Care), focadas no melhor desfecho à saúde das pessoas em equilíbrio com a sustentabilidade financeira do mercado de saúde suplementar.

Sobre o Sistema Hapvida

Com mais de 7,1 milhões de clientes, o Sistema Hapvida hoje se posiciona como um dos maiores sistemas de saúde suplementar do Brasil presente em todas as regiões do país, gerando emprego e renda para a sociedade. Fazem parte do Sistema as operadoras do Grupo São Francisco, RN Saúde, Medical, Grupo São José Saúde, Grupo Promed além da operadora Hapvida e da healthtech Maida. Atua com mais de 37 mil colaboradores diretos envolvidos na operação, mais de 15 mil médicos e mais de 15 mil dentistas. Os números superlativos mostram o sucesso de uma estratégia baseada na gestão direta da operação e nos constantes investimentos: atualmente são 47 hospitais, 201 clínicas médicas, 45 prontos atendimentos, 173 centros de diagnóstico por imagem e coleta laboratorial.

Comentários do Facebook