google.com, pub-5168977010783922, DIRECT, f08c47fec0942fa0
25 de julho de 2021

Governo discute implantação das ações do TerPaz em Parauapebas

Com uma Usina da Paz em construção, o município se prepara para a gestão de vários serviços em áreas como cidadania, saúde, cultura e segurança


Em continuidade à agenda de reuniões com municípios do Sudeste do Pará, na manhã desta quinta-feira (08) o governo do Estado discutiu a implantação do Programa Territórios pela Paz (TerPaz), com secretários de Parauapebas. Participaram do encontro representantes da Secretaria Estratégica de Articulação da Cidadania (Seac), da Câmara Técnica Intersetorial do TerPaz e do Gabinete de Gestão Operacional da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Segup).


“Neste momento, ficou formalizada a definição dos serviços públicos do Estado no município, que terá sequência em uma próxima reunião, para estabelecer o plano de trabalho entre as secretarias, assim como a organização de uma câmara técnica da região Sudeste, que fará a coordenação intergestional das ações de parceria do Estado com os municípios, para executar os serviços nas Usinas”, contou o diretor-geral do Núcleo de Relações Institucionais da Seac, Julio Alejandro Quezada Jélves.


Para o coordenador do eixo Segurança Pública do TerPaz, Luciano de Oliveira, presente à reunião, a contextualização da chegada do TerPaz a Parauapebas tem dois significados importantes. “Primeiro, o município, até por ser área de um grande projeto de mineração, é marcado por um crescimento populacional exponencial, gerando alguns bolsões de pobreza, e a violência encontra solo fértil nesse contexto. É aí que o TerPaz entra, justamente em uma área como essa, que é caracterizada hoje com um índice elevado de criminalidade e de vulnerabilidade social. Nesse contexto é que chegamos, com esse aporte de intensificação de serviços de segurança pública e de serviços do Estado, em todos os sentidos”, reiterou.


Ainda durante a apresentação, a gestora do TerPaz na Terra Firme, Gabriella Oliveira, ressaltou a importância da articulação entre a rede local e a comunidade. “Inicialmente, com essa parceria já firmada com a Prefeitura de Parauapebas, nós vamos encaminhar outras pesquisas, justamente para identificar e entender a dinâmica do local no qual vai se estruturar, de uma forma diferente, o TerPaz. Em Parauapebas já vamos iniciar com a Usina da Paz, com um espaço físico para operacionalizar todas as ações que desenvolvemos. Aqui será diferente. A população será convidada a partir de um local onde poderá desenvolver suas atividades. O nosso papel será ajudar a conduzir essas políticas dentro do bairro”, explicou a gestora.


Usina da Paz – As ações do TerPaz serão executadas após a entrega da Usina da Paz. As obras, de responsabilidade da mineradora Vale, seguem em ritmo acelerado, e devem ser concluídas ainda neste ano. “Estamos reconhecendo toda a capacidade de articulação da Prefeitura de Parauapebas, ao participar do projeto juntamente com o governo do Estado. Estamos muito felizes e entusiasmados com o acolhimento da prefeitura. Percebemos que os secretários municipais estão muito afinados com a política do governo do Estado, com a política do TerPaz, e cremos que isso será um fator de sucesso e de superação de desafios e obstáculos que ainda temos. Esse encontro vai render muitos frutos”, reiterou o diretor das Usinas da Paz, coronel Marcos Lopes.

Keniston Braga


O secretário de Governo de Parauapebas, Keniston Braga, destacou o avanço do programa e as obras da Usina no município. “A avaliação foi extremamente positiva. A reunião de hoje foi mais um passo nessa caminhada, para que se instale em definitivo um instrumento tão importante de resgate social como é a Usina da Paz. O governador é alguém muito sensível, aliado a uma prefeitura que busca essa parceria a todo o momento, para que possamos proporcionar uma melhor qualidade de vida para todas as pessoas que moram aqui. O Complexo Tropical I e II, Ipiranga I e II e os bairros adjacentes serão contemplados de uma maneira muito positiva, com uma estrutura gigantesca, que vai trazer qualidade de vida e melhores dias para os moradores daquela região”, enfatizou.


Estrutura – À tarde, a equipe do governo do Estado visitou as obras da Usina da Paz no município, no bairro Tropical II, distante apenas seis quilômetros do centro. Os servidores conheceram os espaços que, em breve, darão mais cidadania e segurança à população local.


A UsiPaz terá complexos esportivos, salas de audiovisual, serviços de inclusão digital e espaços para atendimento médico e odontológico, consultoria jurídica, emissão de documentos, ações de segurança, capacitação técnica e profissionalizante, além de espaço multiuso para feiras, eventos e encontros da comunidade. Haverá ainda espaços para cursos livres e de dança, teatro, robótica, artes marciais, musicalização e biblioteca.

Comentários do Facebook