google.com, pub-5168977010783922, DIRECT, f08c47fec0942fa0
25 de julho de 2021

Câmara de Marabá é invadida em ato contra Bolsonaro

Na manhã desta terça-feira (15) representantes de sindicatos e entidades sociais invadiram a Câmara Municipal de Marabá para lembrar as 419 mortes por Covid-19 no município e protestar contra a proposta do vereador Fernando Henrique (PSC), que deseja conceder o título de “cidadão marabaense” ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Os manifestantes estavam desde às 9h30, em frente à Câmara. No ato, foram acessas centenas de cruzes e velas nas escadarias e foram estendidas faixas de repúdio ao Presidente da República.



Com velas na mão e entoando o grito de “fora Bolsonaro genocida”, os manifestantes invadiram o gabinete da presidência da Câmara, onde entregaram um abaixo-assinado ao presidente da casa, o vereador Pedro Corrêa (DEM), manifestando o posicionamento de entidades sindicais, movimentos sociais e pastorais contra a homenagem.

Os manifestantes também estiveram no gabinete do vereador Fernando Henrique, onde entoaram gritos de protestos. A ação foi acompanhada por uma equipe do Departamento Municipal de Segurança Patrimonial.

DOL

Comentários do Facebook