18 de maio de 2021

Bolsonaro dá tiro no pé e compara atos de Jesus Cristo com gestão PT

Não dá para saber se o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) elogiou o Partido dos Trabalhadores (PT) ou criticou Jesus Cristo. De qualquer forma, deu um belo tiro no pé ao comparar os atos do nazareno com a gestão do partido que governou o Brasil por 14 anos, com Lula (2003 – 2010) e Dilma Rousseff (2011 – 2016).


Em discurso a seus apoiadores na porta do Palácio da Alvorada nesta segunda-feira, 19, Bolsonaro citou “uma passagem bíblica”. “Se não me engano, de quando Jesus dividiu o pão”, começou ele. “Depois, ele [Jesus] deu uma desaparecidinha, né? Daí o povo foi atrás, e foi atrás de Jesus pra quê? Pra mais benefícios pessoais. Fizeram a ligação com o PT dando o bolsa isso, o bolsa aquilo?”, afirmou o presidente, fazendo relação ao Bolsa Família, o maior e mais eficiente programa de transferência de renda do mundo, segundo a Organização das Nações Unidas (ONU).


Após o tiro no pé que Bolsonaro deu, as redes sociais não se contiveram e começaram a repercutir a fala do presidente, elogiando as gestões do PT e o Bolsa Família. Confira:




Catraca Livre

Comentários do Facebook