23 de junho de 2021

Estado envia comitiva para investigar chacina que vitimou seis pessoas em Mãe do Rio

Uma comitiva com representantes da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup), Polícia Civil, Polícia Militar e Centro de Perícias Científicas (CPC) Renato Chaves embarcou, no início da manhã desta quinta-feira (25), em um avião do Grupamento Aéreo do Pará (Graesp) em direção ao município de Mãe do Rio, nordeste paraense. A força-tarefa foi organizada em caráter de urgência para apurar a chacina que vitimou seis pessoas na cidade.

“O governo do Estado está atento a qualquer ocorrência. A gente, de forma alguma, admite que esse tipo de situação ocorra, nem na região metropolitana, nem no interior. Estamos nos deslocando com o efetivo que já está presente das forças policiais, para dar celeridade nas investigações e dar uma resposta à população”, afirmou o titular da Segup, Ualame Machado.

Equipes das Polícias Civil e Militar estão apurando as circunstâncias do crime e fazem diligências na área. O policiamento na cidade foi reforçado por guarnições das PMs, Ronda Tática Metropolitana (Rotam), Coordenadoria de Recursos Especiais (Core, da Polícia Civil), peritos do CPC Renato Chaves, além de uma equipe da Corregedoria da Polícia Militar.

Crime
Moradores do município de Mãe do Rio, no nordeste paraense, viveram momentos de terror na noite desta quarta-feira (24). Uma chacina vitimou seis pessoas em um curto intervalo de tempo, em vários bairros da cidade, entre eles Novo Horizonte e Invasão. A identidade das vítimas ainda não foi divulgada. Até o momento, ninguém foi preso.

Com informações Agência Pará / Portal Tailândia

Comentários do Facebook