18 de junho de 2021

Capitão quer o Remo ‘mentalmente preparado’ para clássico do próximo domingo

O Remo iniciou a semana de preparação para mais uma decisão dentro do quadrangular final da Série C. No próximo domingo, 10, a equipe terá o clássico com o Paysandu ás 18h no Mangueirão. Em jogo, um possível acesso do Leão à Série B 2021. Porém, para isso acontecer, a equipe precisa vencer o maior rival e torcer para que o Londrina não vença o Ypiranga em jogo que começa após o clássico. 

“Até o momento, sim, pode sacramentar o nosso acesso nessa partida, mas pode ser que não defina nada e se empatar, por exemplo, fica em aberto e vamos decidir com o Londrina, em casa, no último jogo. É um clássico que pode definir, mas não acaba o campeonato ali, independente do resultado, ainda vamos depender das nossas forças. Faltam dois jogos pro campeonato encerrar essa fase, claro que vamos buscar a vitória, para depois conquistar a nossa vaga na final”, disse Lucas Siqueira.



Capitão da equipe, o volante sabe que o jogo com o Paysandu é de extrema importância para as pretensões do Remo nesta temporada. Para ele, é preciso estar “mentalmente” preparado para o duelo de domingo. 

“É um clássico que representa muito, pela decisão que é. Pode nos dar o acesso, no caso de uma vitória. Podemos conquistar o acesso nesse jogo. É uma responsabilidade muito grande, mas a gente tem que está mentalmente preparado, muito forte, porque não temos que carregar uma carga além do que já é o clássico, o Re-PA. É um jogo decisivo, sim, mas temos que estar muito concentrados e conscientes. Acho que quem tiver mentalmente mais concentrado, pode vencer e conquistar o acesso. É segurar um pouco a ansiedade. Mentalmente faz muita diferença o nosso nível de concentração. Temos que ter essa tranquilidade porque define jogos”.

Equilíbrio 

A rodada do último final de semana deixou o Grupo D aberto. Remo e Paysandu dividem a liderança do grupo com sete pontos, seguidos pelo Londrina com cinco pontos e o Ypiranga, antes dado como virtual eliminado, com três pontos, conquistados com a vitória em cima do Remo.

Lucas vê um equilíbrio dentro do grupo e ressalta que o saldo de gols (Remo com 2 gols positivos, Paysandu e Londrina com zero e Ypiranga com 2 gols negativos) poderá fazer a diferença na hora de definir os classificados à Série B 2021. 

“A chave (Grupo D) é equilibrada. As duas na verdade. Estamos com a vantagem no saldo de gols e isso pode fazer a diferença lá na frente. Ou seja, se a gente empatar os dois  jogos, provavelmente a gente sobe. Pra gente, está na liderança com sete pontos, o mesmo dos segundo colocado, está sendo interessante por conta do saldo”, finalizou. RomaNews

Comentários do Facebook
Share