24 de junho de 2021

Corpo de deficiente mental é encontrado em rio em Santa Bárbara

Uma operação que durou três dias terminou quando o corpo de um homem, identificado como Elton Marques Bentes, de 44 anos, foi encontrado em Santa Bárbara do Pará, na tarde desta terça-feira (21). O homem, que tinha deficiência intelectual, fugiu da casa da mãe e, aparentemente, se afogou em um braço de rio.

Segundo informações do sargento Mesquita, do Corpo de Bombeiros, eles tomaram conhecimento do caso ainda no sábado (18) à noite. A mãe de Elton informou que ele precisava de vigilância constante, mas ela precisou sair no sábado e deixou um funcionário vigiando o homem.

Contudo, em um momento de descuido, ele saiu de casa, que fica na região do Furo das Marinhas, e saiu sem rumo, como costumava fazer.

“Desde então, as buscas começaram. Todos os dias, esquadrinhamos a região, com ajuda da mãe do homem e de seus funcionários. Como é uma área muito grande e cheia de mata, a operação foi trabalhosa”, disse o sargento Mesquita, do 1º Grupamento de Busca e Salvamento.

Pela manhã desta terça, as buscas se concentram em uma área que tem entrada por uma fazenda, onde pessoas da comunidade Ana Júlia relataram terem visto Elton no sábado, percorrendo a região desorientado.

Depois de um quilômetro e meio em um ramal enlameado de difícil acesso que tem origem na rodovia PA-391 (Estrada de Mosqueiro), a guarnição, composta por seis bombeiros militares, chegaram em um trecho às margens do rio Candeua, onde fizeram novas buscas.

“Paramos apenas para o almoço mas seguimos na área, e no começo da tarde, retomamos as buscas. Em certo momento, nossa equipe de salvamento pulou no rio e por sorte, vimos um corpo sendo arrastado pela correnteza. Agindo muito rapidamente, alcançamos o cadáver e trouxemos para a margem”, explicou o sargento dos bombeiros.

O corpo trajava roupas que conferiam com as que Helton trajava quando desapareceu – camisa azul e shorts pretos, e a descoberta foi comunicada à mãe do homem, que seguiu para a Delegacia de Polícia Civil de Santa Bárbara do Pará para comunicar o óbito.

Por fim, depois de mais de dez horas de operação em um único dia, o corpo de Elton foi removido pelo Centro de Perícias Científicas Renato Chaves. Ao que tudo indica, o homem morreu por afogamento, mas somente a análise em laboratório deve determinar a causa exata da morte.

Fonte: O Liberal

Comentários do Facebook