24 de junho de 2021

Presidente da Faepa chama diretor da Adepará e deputados de “assaltantes dos produtores rurais”

Carlos Xavier, presidente da Federação da Agricultura do Estado do Pará (Faepa), divulgou uma carta circular aos associados da entidade, em que demonstra indignação e faz graves acusações a Jamir Júnior Macedo, diretor-geral em exercício da Agência de Defesa Agropecuária do Pará (Adepará) e a deputados estaduais, que estariam tratando, na sede da Procuradoria-Geral do Estado, “da possibilidade de aumentar o assalto aos recursos dos produtores rurais”.

No dia 29 de maio, a carta circular Nº 012/2020 – faz critica a ausência do diretor da Adepará em uma videoconferência para tratar sobre a possibilidade de suspensão da vacinação contra a febre aftosa no Pará proposta pelo governo federal, acusando-o de estar no momento tramando com deputados o “assalto” aos produtores.

Em um trecho da carta, Carlos Xavier afirma, sem dar nomes, “que só estão pensando em assaltar os produtores rurais para campanhas políticas”. Segundo ele, a Guia de Transporte Animal (GTA) teve elevação de 15% desde de setembro de 2019 e a decisão judicial não é cumprida.

Além deste aumento, por portaria, tentaram dobrar o valor da GTA, sem consulta prévia e desconhecendo que a correção do valor da GTA está prevista na UPF’s. O objetivo só não foi concretizado em razão do decisivo apoio do governador, que autorizou a revogação do ato”, destacou.

Portanto, caros companheiros, os assaltantes desconhecem o quanto os produtores já fizeram e fazem para o desenvolvimento do agronegócio no Pará. Desconhecem como se criou – e porquê – a Adepará, bem como desconhece o porquê da criação do Fundepec”, ataca.

Tentamos a mais de 10 dias, saber da direção da Adepará sobre a carta circular, mas não tivemos êxito. A carta assinada pelo presidente da Faepa, Carlos Xavier, foi enviada à comunicação do governo, que informou ter a Adepará se manifestado que “irá apurar as denúncias”.

Leia a carta na íntegra:

*Com informações do Ver-O-Fato

Comentários do Facebook