23 de junho de 2021

Fiscalização termina com fechamento de bares em Tucumã

Autoridades continuam trabalhando no interior do Estado para impor o cumprimento das medidas de enfrentamento à Covid – 19. O alvo desta vez foi o município de tucumã, onde a Polícia Civil, sob a Coordenação da Superintendência Regional do Alto Xingú, realizou uma ação de fiscalização tendo como foco a fiscalização do cumprimento dos decretos Municipal e Estadual.


Foram fiscalizados cinco estabelecimentos sendo fechados dois deles. Os Bares: Milênio na Praça Ronan Magalhães e Bar da Baiana na Avenida Brasil estavam servindo bebida alcoólica a seus clientes nos respectivos estabelecimentos. Motivo que os responsáveis foram conduzidos à Delegacia e contra eles foram lavrados dois TCO.


Além disso, três pessoas foram apresentadas na Delegacia e contra elas foram feitos os procedimento cabíveis de desobediência aos decretos.
A operação chegou também a uma residência onde a proprietária realizava uma festa com aglomeração de cerca de 20 pessoas todas sem máscaras de proteção facial. Ela foi conduzida para a delegacia onde teve que se explicar.


A preocupação se explica no aumento dos casos da doença no Município que já chegou a 24 nesta terça-feira. Além disto, há apenas 8 quilômetros dali, no município vizinho, Ourilândia do Norte, também já tem 22 casos confirmados e as populações dos dois municípios convivem como se fossem da mesma cidade. Por isso, o prefeito de Tucumã, Adelar Pelegrini, reforçou em entrevista a importância dos tucumaenses utilizarem máscaras como proteção para evitar a propagação pelo novo Coronavírus, conforme medida prevista no decreto 512/2020, que dispõe sobre o enfrentamento da Covid-19.


“Nessa fase da pandemia, usar máscara é fundamental. O vírus já está circulando entre nós, por isso, precisamos ficar atentos”, afirmou Adelar Pelegrini, lembrando que o município já tem vinte casos de Covid-19 confirmados e um óbito. Diante dessa realidade o prefeito reforçou o pedido de manutenção do isolamento social, pedindo que a população fique em casa, principalmente as pessoas com mais de 60 anos de idade.


Ainda de acordo com o prefeito Adelar Pelegrini, o objetivo central no município é evitar mais óbitos, já que tem por inevitável que haja outros casos confirmados da doença.

*Por: Francesco Costa

Comentários do Facebook