14 de junho de 2021

Doxa: Pará fica dividido em relação ao Lockdown, indica pesquisa

O Instituto DOXA publica sua quarta pesquisa sobre o Coronavírus no Pará.

Desta vez, o instituto avaliou o nível de concordância dos paraenses em relação ao Lockdown e suas consequências; aferiu também a avaliação do presidente e governadores em relação ao isolamento social.



A pesquisa, também, checou junto aos entrevistados, a atuação do governo estadual e federal no combate à Covid-19. Além disso, a pesquisa buscou saber, na opinião dos paraenses, de quem foi a responsabilidade sobre a compra dos respiradores que não funcionaram.

A pesquisa atingiu uma amostra de 4.337 entrevistas distribuídas pelas seis mesorregiões (Metropolitana, Nordeste, Sudeste, Sudoeste, Baixo Amazonas e Marajó) através de Whatsapp e Facebook, realizada no período de 17 a 19 de maio.

Nos dados coletados nesta amostra da opinião pública, podemos ver o quanto a sociedade paraense está dividida em relação às medidas tomadas pelos governos, diante da pandemia. A polarização política acaba interferindo no comportamento da população, que por conta das incertezas do que realmente é importante (remédios, isolamento social, prevenção, vacinas, etc) e da guerra de narrativas e Fake News, acabam gerando um medo exacerbado e de outro lado, a negação do perigo do contágio e de mortes em massa. *Via: Doxa

Vamos aos dados:

Comentários do Facebook