14 de junho de 2021

Acusado de roubo confessa o crime no Xilindró

Durante interrogatório na manhã de sexta-feira (24), na 20° Seccional Urbana de Polícia Civil, em Parauapebas, Wanderley da Silva Silva confirmou serem verdadeiras as acusações contra ele referentes ao roubo de duas motocicletas. Ele foi detido no dia anterior, quinta-feira (23), por uma equipe da Polícia Militar e conduzido à delegacia para esclarecimentos.

O acusado contou à polícia que na quarta-feira (22) estava com Kaue Conceição de Paula e juntos assaltaram um entregador de pizza na Rua F, no Bairro Cidade Nova, levando uma moto Titan branca.



Wanderley assumiu terem feito outra vítima no mesmo dia, dessa vez na Rua do Comércio, Bairro Rio Verde. De acordo com o interrogado, ele pilotava a moto e kaue estava na garupa, portando uma arma de fabricação caseira.

Ao se aproximarem da vítima, ele ordenou que esta parasse a moto, anunciando o assalto. Além do veículo, os dois ainda roubaram um aparelho celular. Por fim, Wanderley informou que o celular foi vendido por R$ 300 na mesma Rua do Comércio, em uma loja de assistência técnica. Posteriormente, a motocicleta de cor branca foi encontrada abandonada no Bairro Liberdade II. Fonte: Correio de Carajás

Comentários do Facebook