14 de junho de 2021

FPF marca data para definição sobre sequência ou não do Campeonato Paraense

O suspense com relação a sequência do Campeonato Paraense começa a ser definido a partir do dia seis de abril. A data marca o retorno dos dirigentes da Federação Paraense de Futebol às atividades na entidade. A informação foi confirmada pelo vice-presidente da FPF, Maurício Bororó.

Não há certeza que o campeonato prosseguirá em função da paralisação repentina diante da propagação do coronavírus. O maior empecilho é a dificuldade para encaixar 17 jogos que restam da competição no decorrer do campeonato. São duas rodadas da fase classificatória, além de semifinais e finais.



Todas as possibilidades estão postas em negociação. Por enquanto, os comentários são extra-oficias. Ha quem defenda a finalização do certame. Por outro lado, há possibilidade de diminuição do campeonato, que é uma hipótese remota pois prejudicaria clubes que estão na parte inferior da tabela.

Bororó não quis adiantar hipóteses prováveis, mas reafirmou que a decisão será tomada em conjunto com os clubes. “O presidente Adélcio (Torres, presidente da FPF) vai avaliar com prudência a situação e podendo convidar os clubes para uma conversa . Até o presente momento a nossa maior preocupação é com o Covid-19”, disse.

A reunião entre os clubes será presencial, já que, segundo Maurício Bororó, não tende a aglomerar uma quantidade expressiva de pessoas – são 10 representantes de clubes, os gestores da FPF, além integrantes do Governo do Pará – que é o principal patrocinador da competição e tem os direitos de transmissão por meio da Funtelpa.

Os clubes…

Tanto Paysandu quanto Clube do Remo não anteciparam o que vão argumentar na reunião emergencial do Conselho Técnico. O presidente do Papão, Ricardo Gluck Paul, não crê na viabilidade da sequência do campeonato em função do desmanche de clubes menores. Foram disputadas oito rodadas, mais de 80% do estadual.

Por outro lado, do lado azulino, Fábio Bentes defende a continuidade do Parazão. No momento, a liderança da competição é do Paysandu, seguido por Clube do Remo, Castanhal e Paragominas. Seriam os clubes classificados à semifinal.O Carajás está rebaixado. A segunda vaga do descenso está indefinida. Hoje, o Itupiranga estaria rebaixado.

O Tapajós tenta se livrar. As demais equipes são Bragantino, Independente e Águia que lutam por uma vaga no G4. Por: ORM

Comentários do Facebook