9 de abril de 2020

‘Aves de Rapina’: curiosidades dos bastidores e o que esperar do novo filme da Arlequina

O primeiro dia de Comic Con Experience (CCXP) 2019, finalizou com um painel muito poderoso: o elenco e a diretora de Aves de Rapina contaram curiosidades dos bastidores, detalhes sobre as personagens e exibiram trechos inéditos do novo filme da DC sobre a Arlequina. A produção estreia nos cinemas no dia 6 de fevereiro de 2020.

Margot Robbie, que interpreta a personagem, revelou que teve a ideia de fazer um filme solo de Arlequina há mais de quatro anos. “Eu não estava pronta para abandoná-la depois de Esquadrão Suicida. Fiquei obcecada por ela e comecei a ler muitos quadrinhos”, disse. “Foi aí que conheci personagens mulheres incríveis e senti que precisava colocá-las em um filme de ação.”


Além de interpretar Arlequina, Robbie é produtra de Aves de Rapina. A diretora é Cathy Yan e o roteiro é de Christina Hodson. “Quando Cathy surgiu no projeto, trouxe ideias muito frescas e de uma perspectiva feminina única. Ela fez um trabalho incrível”, afirmou Robbie.

O elenco também participou de uma coletiva de imprensa, nesta sexta-feira (6), em São Paulo. Robbie declarou que foi uma surpresa perceber que as pessoas estavam vendo a personagem como um modelo de comportamento. “Ainda não sei porque as pessoas se espelham tanto nela. Eu amo a Arlequina e entendo as suas falhas”, disse.

Robbie acredita que as pessoas se identificam com Arlequina por ela não ser forte o tempo todo. Mary Elizabeth, intérprete de Caçadora, concorda: “elas [as Aves de Rapina] estão longe de serem perfeitas e fazem coisas ruins às vezes”. Ainda assim, Winstead comentou que as personagens tentam fazer coisas boas.

Jurnee Smollett-Bell — a Canário Negro — comentou sobre como os personagens masculinos podem mostrar mais realidade na telas e agirem mais como eles mesmos. “Queríamos mostrar mulheres reais, com nossas falhas, imperfeições e inseguranças. Eu estou tão cansada de ver mulheres perfeitas no cinema porque ninguém é assim”, afirmou

Sinopse
A trama de Aves de Rapina – Arlequina e sua Emancipação Fantabulosa mostra a personagem depois de terminar o relacionamento com o Coringa. Ela começa uma jornada de autodescobrimento, até que conhece mulheres poderosas e com personalidades muito fortes. No começo elas não se dão muito bem, mas acabam acabam se unindo, formando as Aves de Rapina, para enfrentar os vilões Máscara Negra e Victor Zsasz – que no universo da DC, são grandes inimigos do Batman.

A história se passa em Gotham City que, segundo Yan, está mais divertida e colorida nesse filme. “Gotham vira a cidade da Arlequina”, afirmou a diretora na CCXP. Até veremos algo inédito: a cidade durante o dia!

Máscara Negra é interpretado pelo ator Ewan McGregor. O personagem tem muito carisma, charme e humor, e sempre anda com uma faca na mão, pois gosta de “arrancar partes de suas vítimas”, contou Robbie. O ator Chris Messina faz o papel de Victor Zsasz.

O elenco feminino, que compõe as Aves de Rapina, também veio à CCXP. Confira detalhes sobre as personagens:

Canário Negro
A atriz Jurnee Smollett-Bell dá vida a personagem Dinah, que possui um super-poder: um grito de canário. “Tirei muita inspiração da Dinah das HQs”, contou Smollett-Bell. “Ela é uma mulher muito poderosa, mas que tem apreensão de tomar posse desse poder.”

Caçadora
Helena Bertinelli, a Caçadora da Era moderna, é interpretada por Mary Elizabeth Winstead. A atriz revelou que sua personagem é “uma mulher forte, sem medo, poderosa e que ao longo da vida foi melhorando as suas habilidades”, e que está em uma jornada para descobrir mais sobre ela mesma e vingar o assassinato de sua família.

Renee Montoya
“É uma garota muito esperta, que não leva nenhum desaforo para casa e vai até o fim do mundo para lutar pelo que acredita. Ela não desiste mesmo que a coloquem para baixo”, afirmou Rosie Perez, que faz o papel de Montoya e participa pela primeira vez de um filme como uma heroína. “Foi uma honra ser chamada para participar”, comentou.

Cassandra Cain
É responsável por unir todas as mulheres da trama. “Ela é uma mulher da rua, que vive largada e adora falar palavrão. Ela encontra uma família quando conhece Arlequina”, disse a atriz Ella Jay Basco.

Bastidores
Aves de Rapina é repleto de ação. Por isso, as atrizes passaram meses fazendo treinamento físico intenso. Smollett-Bell, por exemplo, praticou kickboxing – arte marcial focada em chutes e socos. “Cathy nos puxava além dos nossos limites. No final, me senti como uma máquina”, afirmou a atriz.

Perez também teve que treinar bastante: no caxo, boxe. “Foi muito difícil, mas amei”, ela comentou. Já Basco praticou trues de mágica para aprender a saquear carteiras e acessórios sem que as pessoas percebam – como faz a sua personagem no filme.

Alguns dias a rotina era bem cansativa já que, segundo Yan, as cenas eram muito longa – as atrizes precisavam decorar a coreografia das lutas e repetí-las várias vezes. Smollett-Bell brincou que quase denunciou a diretora. “Estávamos cansadas e ela veio pedir para a gente fazer uma cena pela última vez. Mas todas toparam e nós conseguimos gravar”, relatou

Diante de tanto esforço, o elenco precisava relaxar. Robbie que contou que, nas sextas-feiras, elas saíam para tomar drinques, como Piña colada. “Garantimos que trabalhávamos duro, mas também nos divertíamos pra valer”, brincou.

CCXP19
No painel da Comic Con, foram exibidos cenas do começo do filme e um trailer exclusivo para o evento. Os trechos não puderam ser filmados, então o público geral vai ter que esperar até a estreia do filme, no ano que vem. Por enquanto, assista ao trailer de Aves de Rapina:

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *