13 de junho de 2021

PREFEITO DE ITAITUBA DIZ QUE O GOVERNADOR HELDER BARBALHO AUTORIZOU A CONSTRUÇÃO DA PONTE

O Ministério Público Federal (MPF) abriu investigação para apurar a construção de uma ponte clandestina de aproximadamente 400 metros, no rio Jamanxim, dentro da Floresta Nacional do Jamanxim, em Itaituba, sudoeste do Pará.

A denúncia foi feita pelo programa Fantástico da Rede Globo, que sobrevoava a região para flagrar queimadas e desmatamentos. Esta área de proteção ambiental é a mais desmatada de toda a região amazônica, de acordo com dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE).



Na reportagem exibida no último domingo, 25, ao ser questionado sobre a ponte clandestina, a nota do governo do Pará informou que não autorizou a construção de nenhuma ponte na região e que iria mandar técnicos vistoriar o local. A construção dessa ponte já havia sido denunciada pelo Blog do Jeso, que informou ainda que a estrutura é financiada por empresários do setor madeireiro da região, entre eles, o prefeito de Itaituba, Valmir Climaco (MDB), partido do governador do Pará. Neste ano Helder Barbalho concedeu ao prefeito de Valmir Climaco a “Medalha do Mérito Tiradentes”, honraria dado pelo governo a pessoas que prestaram relevantes serviços à causa pública no Estado do Pará. A ponte sobre o rio Jamanxim seria usada para escoar madeira ilegalmente extraída de dentro da Reserva Florestal. O MPF pediu informações do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) e da Marinha do Brasil. Por ser uma obra irregular, sem autorização de nenhum órgão estadual ou federal, o MPF solicitou a prefeitura de Itaituba o embargo da construção.

Em entrevista, Valmir Climaco disse que a ponte tinha autorização da prefeitura e que a obra não está dentro da área da reserva florestal, mas sim de uma estrada estadual conhecida na região como Transgarimpeira. O MPF e a Marinha contestam tal afirmação. De acordo com o MPF, a Marinha registrou um auto de infração, pois a obra inviabiliza a navegação no rio Jamanxim. O prefeito de Itaituba disse ainda, que recebeu aval do governador Helder Barbalho para a construção da ponte.

O governo do Pará, por meio de nota, não confirmou a conversa com Walmir Climaco e reafirmou que não autorizou a obra. (Fonte: Pará Web News)

Comentários do Facebook


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *