DATA:17 de outubro de 2019

DIA DAS MÃES É COMEMORADO COM BRIGAS DE FACÇÕES DENTRO DO CENTRO DE RECUPERAÇÃO DE REDENÇÃO

Comemorado neste domingo (12), o Dia das Mães em Redenção começou tumultuado. Detentos do Centro de Recuperação Regional de Redenção tomaram o prédio, fizeram cinco agentes penitenciários reféns e assassinaram um preso, identificado apenas como Maxuel. Este, conforme já foi confirmado, foi transferido da Bahia e era membro do Primeiro Comando da Capital (PCC). Ele teve o corpo esquartejado de maneira macabra e a cabeça, e o coração jogado no corredor da cadeia.

A 13ª RISP – Superintendência Regional do Araguaia Paraense Informou sobre a rebelião, que duas vítimas já foram confirmadas, a 1° por nome de Rai de Sousa Viegas e a 2° por Marco Aurélio Fileski.

Às 09 horas, chegou a informação de rebelião em andamento no Centro De Recuperação de Redenção (CRR), uma equipe de policiais se deslocou para o local, onde foram constatados, preliminarmente, ao menos 2 mortes de presos, tendo partes dos corpos decapitados. Além disso, 5 agentes penitenciários estão de reféns.

No momento, Dpc Camargo, Dpc Luis Antônio, Promotor de Justiça Leonardo, Promotor André, Presidente da OAB Marcelo, Juiz Francisco e Ten. Coronel Daniel Dias estão conduzindo a negociação com os detentos.

No decorrer do dia informaremos todas as informações e diligências apuradas.

Equipe de Policiais responsáveis pelo fato foram, Dpc Camargo, Ipc Rivaldo, Ipc Baiano, Ipc Guilherme, Ipc Washington, Epc CLeonildo e Epc Jonathas.

Informações não confirmadas dão conta de que mais pessoas foram mortas durante a ação. A suspeita é de uma briga entre facções.

Do lado de fora, famílias se reúnem em oração pela vida dos reféns e dos próprios agentes. Como o dia seria de visitas, a movimentação é grande no local.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *