12 de junho de 2021

PARAUAPEBAS TEM UM DOS MAIS ALTOS ÍNDICES DE EDUCAÇÃO DO PARÁ

PARAUAPEBAS

Dados são do Ministério da Educação (MEC), que avaliam qualidade no ensino fundamental em todo o País

O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de Parauapebas, tanto para os anos iniciais quanto para os anos finais do ensino fundamental, está entre os maiores do Pará. A informação foi divulgada pelo Ministério da Educação (MEC) na manhã da última segunda-feira, 03.



O Ideb é o principal indicador de qualidade do ensino brasileiro e é calculado a cada dois anos para o ensino fundamental e, também, para o ensino médio. Para compor o indicador, o MEC considera as notas dos estudantes na prova do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) e os índices de fluxo, compilados pelo censo escolar.

Em 2017, o Ideb de Parauapebas para as séries iniciais do ensino fundamental ficou em 5,7. O resultado corresponde à meta projetada para 2021. No Pará, somente Benevides (6,2) e Ulianópolis (6) alcançaram notas maiores, enquanto Paragominas aparece empatado.

Em nível municipal, 13 escolas têm nota igual ou maior que a média local para as séries iniciais. Nesse grupo, constam oito escolas que tiveram Ideb acima de 6, sendo a Cecília Meireles a de melhor desempenho nas séries iniciais, com nota 6,5. Em seguida, aparecem as escolas Paulo Fonteles, com 6,4, e Luiz Magno, com 6,3, acompanhadas de Eduardo Angelim e Elisaldo Ribeiro, ambas com 6,2.

Jozias Leão, com 6,1, mais as escolas Machado de Assis e Carlos Henrique, empatadas com nota 6, completam o pelotão de educação com nível mais elevado. Além delas, as escolas Chico Mendes, Eurides Santana, Irmã Laura e Jean Piaget têm, cada uma, 5,9 de Ideb e são acompanhadas pela Faruk Salmen, com 5,7, que fecha o time dos estabelecimentos dentro da média municipal.

O Ideb de Parauapebas para as séries finais do ensino fundamental ficou em 4,6. Nesse quesito, apenas Altamira e Ulianópolis, ambos empatados com 4,8, superam Parauapebas.

Na rede municipal, nove escolas apresentam Ideb igual ou superior à nota geral do município. Com 5,7, Jozias Leão é a líder nas séries finais, seguida por Luiz Magno, com 5,4, e Monteiro Lobato, com 5,2. Elisaldo Ribeiro e Paulo Fonteles aparecem empatadas, com 5,1.

As escolas Antônio Vilhena, com 4,7, e o trio composto por 18 de Outubro, Sandra Maria e João Evangelista, todas com 4,6, completam o time de unidades de ensino com nota igual ou acima da média local.

Segundo o secretário de Educação Raimundo Neto, o resultado obtido está dentro do esperado. “Nós ficamos muito satisfeitos com o resultado. Hoje estamos entre os três melhores resultados do Pará tanto nos anos iniciais quanto nos anos finais e já atingimos a meta para 2021 nos anos iniciais”, destaca.

Ainda segundo Neto, o índice alcançado é o resultado do trabalho desenvolvido na rede de ensino, incluindo as formações continuadas e assistência pedagógica. Ele destaca ainda que os dados servem também para auxiliar no estabelecimento de novas metas. “Vamos analisar esses dados e verificar onde precisamos melhorar, e a partir da análise desses números vamos dimensionar novas metas”, afirma o secretário.

Texto e fotos: Messania Cardoso | Semed
Comentários do Facebook


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *