12 de junho de 2021

FAMÍLIAS ESPERAM HORAS NO SOL PARA FAZER CADASTRO NOS PROGRAMAS HABITACIONAIS DE PARAUAPEBAS

PARAUAPEBAS

Candidatos aos programas habitacionais do município de Parauapebas reclamam do atendimento lento do serviço prestado à comunidade e também das longas horas de espera em filas sob o sol a que são obrigados a suportar para serem atendidos.

A Secretaria de Habitação Municipal de Parauapebas (Sehab) locou um prédio localizado na rua M, n° 180, bairro União, para realizar os cadastros e regularizações dos interessados nos programas habitacionais do município, mas a estrutura do prédio onde funciona o Setor de Cadastro, com o intuito de prestar um serviço de qualidade ao público, demonstra ser inadequado à grande demanda, obrigando centenas de pessoas a aguardar horas em filas sob o sol para conseguir atendimento.



O candidato Fernando Nascimento reclama que além da fila que é grande, o atendimento é muito lento: “Lá dentro está lotado de pessoas e aqui fora o problema ainda é maior, pois cheguei aqui às 6 horas da manhã e já estou há mais de 5 horas na fila enfrentando sol, cansaço e este mal cheiro insuportável deste lixo aí na rua. E ainda está longe de eu ser atendido”, detalha Nascimento.

Natália Silva também reclama das horas incansáveis esperando na fila sob o sol, para ser atendida, assevera que chegara antes das 6 horas da manhã e já está aguardando na fila há mais de 5 horas para ser atendida. “Eles anunciaram que alugaram este prédio para agilizar o atendimento e oferecer melhor serviço ao público, mas a situação é constrangedora. Este prédio que a secretaria alugou é muito apertado, não tem espaço para o público ficar aguardando e o serviço funciona muito mal, é muito ruim esse serviço prestado pela prefeitura”, protesta.

Além do espaço ser pequeno para tamanha demanda, ao que parece, também consta a ausência dos pré-requisitos adequados para funcionamento do prédio público, como extintores de incêndios e saída de emergência. O “Portal Parazão Tem de Tudo” solicitou à SEHAB cópia dos documentos necessários para desempenho do prédio em atendimento ao público, como autorização do Corpo de Bombeiros para funcionamento do mesmo, mas até o momento estamos aguardando estes documentos.

Todos os interessados em se cadastrar nos programas habitacionais do município de Parauapebas reclamam da demora no atendimento e da situação constrangedora de ficarem aguardando em fila na rua, que além de suportarem o calor e o sol, têm que suportar o mal cheiro do lixo acumulado na localidade, na tentativa de conseguir realizar seu sonho da casa própria. A maioria aponta que a administração municipal de Parauapebas, deveria ter no mínimo, providenciado um espaço maior e com melhor comodidade ao público, para realização dos cadastros necessários.

O Portal Parazão Tem de Tudo entrou em contato com a Assessoria de Comunicação da Prefeitura, para ouvir as explicações acerca dessas reclamações.

Em nota, a Prefeitura informa que mudou o Setor de Cadastro para o endereço em questão (rua M, n° 180, bairro União) com o objetivo de melhorar o atendimento, para oferecer mais conforto, porém, esse é o principal alvo de reclamações por parte dos reclamantes.

Confira na íntegra:

Nota à imprensa – Sehab

A Secretaria de Habitação (Sehab) informa que mudou o Setor de Cadastro para novo endereço recentemente para oferecer mais conforto aos usuários e otimizar o atendimento, tendo em vista a complexidade do serviço desempenhado no setor, que é o cadastro de usuários para programas habitacionais de interesse social.

A Sehab enfatiza que, além da seriedade para fazer o cadastro de forma correta e sem prejuízos ao usuário, o grande volume de pessoas que procuram o setor é resultado das políticas públicas habitacionais a todo vapor em Parauapebas, pois são atendidas em média 750 pessoas por semana.

Por fim, esta secretaria estuda regularmente iniciativas para atender cada vez melhor todo aquele cidadão que procura o setor de cadastro e ressalta que todos são atendidos sempre até às 14h, de segunda à sexta-feira.

Assessoria de Comunicação – Ascom/PMP

Por Parazão Tem de Tudo, Parauapebas
Revisão: Junior Oliveira

Comentários do Facebook


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *