21 de janeiro de 2021

Remo vence o Paysandu, no ‘Mangueirão’, e se aproxima da Série B

Com o placar de 1 x 0, o Clube do Remo venceu o Paysandu Sport Club neste domingo (10), no Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão, e está perto da classificação para a Série B do Campeonato Brasileiro de Futebol. Os azulinos estão há 13 anos fora da segunda divisão, e agora dependem do resultado do jogo entre Londrina e Ypiranga, no Paraná.
Para os clubes, o apoio do Governo do Pará foi fundamental para que ambos chegassem à reta final da competição em condições de acesso. “O Pará tem o privilégio de ter um governador que incentiva o futebol e o esporte em geral. Sem o apoio do governo do Estado não estaríamos neste momento, brigando pelo acesso. Apesar da situação crítica que o futebol passou, voltamos em agosto e tivemos a oportunidade de sermos o campeão estadual. No início deste ano, nossa atenção está voltada para a inauguração do nosso Centro de Treinamento”, disse Ricardo Gluck Paul, presidente do Paysandu, clube que está fora da série B desde 2019.
O Remo também reconhece a importância da parceria com o governo estadual. “O clube vem se preparando para que chegássemos hoje em condição de acesso. Tivemos ao longo desse período uma parceria de sucesso com o governo do Estado. Estar na série B representa o aumento do número de jogos, praticamente dobramos, mais oportunidades de patrocínio, mais equipes vindo disputar jogos no estado. A gente movimenta a cadeia produtiva com o acesso à série B. Perdemos 6 milhões de reais com a bilheteria, um impacto muito grande, mas tivemos o apoio fundamental do Estado. Nossa perspectiva é de, em 2022, jogar no novo Mangueirão, que será palco de muitas vitórias do Leão”, disse o diretor de Marketing do Clube do Remo, Renan Bezerra.
Potencial – O Re-Pa foi um dos mais disputados dos últimos tempos, e a possibilidade de classificação acirrou a tradicional rivalidade entre os times. Aos 35 minutos do 1º tempo, Salatiel abriu o placar para o Remo. “Para nós, da Seel (Secretaria de Estado de Esporte e Lazer), é uma grande satisfação receber este clássico. Nessa retomada do futebol, o governo do Estado tem se dedicado ao esporte. Com o acesso à Série B, vamos mostrar para todo o Brasil o potencial do nosso futebol. E, claro, o futebol é nossa vitrine, mas temos apoiado diversas modalidades, mostrando que aqui temos excelentes atletas”, afirmou Arlindo Silva, secretário de Estado de Esporte e Lazer.

Com a retomada dos jogos sem a presença das torcidas, a imprensa paraense levou a emoção do clássico ao público. “É um jogo muito importante, talvez o mais importante da década. Esse é o 210° clássico que narro, e foram muitos clássicos, até em outros estados e no exterior, como em Suriname, no Torneio Internacional de Paramaribo. Dessa vez, será inédito se os dois subirem ao mesmo tempo”, contou o narrador da Rádio Clube, Cláudio Guimarães.

Comentários do Facebook
Share