28 de outubro de 2020

Queda de torre de transmissão de energia afeta a produção de bauxita da Hydro em Paragominas

A empresa norueguesa Norsk Hydro anunciou na última quinta-feira, 19, que um blecaute afetou a produção em sua mina de Paragominas e na refinaria Alunorte, no Pará, embora estime que o impacto financeiro será limitado e que não haverá qualquer impacto a clientes.

A queda da torre ocorreu na noite de 18 de dezembro e ocasionou a interrupção do fornecimento de energia elétrica, acarretando a imediata paralização da produção da mina, bem como do bombeamento da polpa de bauxita através do mineroduto.

A torre que caiu está localizada no município de Moju, no quilometro 194, torre número 125, sendo esta a mesma torre onde em sua base havia sido montada uma estrutura de madeira para incendiar a torre caso as negociações de assinatura do Termo de Compromisso entre a Mineração Paragominas, a Fundação Cultural Palmares e as Comunidades Quilombolas não fossem concluídas com sucesso

 



Não houve feridos ou danos a outros ativos da empresa. A energia deve ser retomada entre 5 e 10 dias.

Enquanto isso, a produção na refinaria de alumina Alunorte, em Barcarena, será reduzida temporariamente para entre 50% e 70% da capacidade, acrescentou a Hydro.

A Alunorte, maior fabricante global de alumina e fornecedora fundamental da indústria de alumínio, já havia operado por mais de um ano com metade de sua capacidade por decisão judicial, após ser acusada de despejos ilegais de efluentes não tratados na floresta amazônica. Fonte: Roma News

Comentários do Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *